COMPARTILHE E AJUDE INFORMAR MAIS PESSOAS


A candidata do PSTU à Presidência da República Vera Lúcia defendeu hoje (23) a gratuidade dos serviços de transporte público.

Segundo ela, o serviço teria de ser fornecido também com qualidade, cumprindo o que seria um “direito constitucional”. Para ela, o caminho para garantir esse direito seria a partir da estatização de empresas de transporte e da expropriação de bancos.

“O acesso a um transporte público de qualidade é um direito constitucional que, assim como outros, não é garantido. No Brasil o transporte público é em geral um desastre, caríssimo e de péssima qualidade”, disse a candidata por meio de sua conta no Twitter.

Na sequência, Vera propõe a construção de metrôs nas grandes cidades, de forma ampliada e incorporada aos planos de obras públicas necessárias ao país; e a “estatização de todas as empresas de transporte”, de forma a tornar gratuito esse tipo de serviço.

“Essa mudança completa nos serviços de transporte no país será financiada com a expropriação dos bancos, que lucram bilhões a custa da miséria do nosso povo”, acrescentou.

Durante a manhã desta terça-feira, a candidata concedeu entrevista ao jornal Monitor Mercantil. A previsão é de que amanhã Vera cumpra agenda no Rio de Janeiro.