COMPARTILHE E AJUDE INFORMAR MAIS PESSOAS


A Justiça Eleitoral recebeu pelo menos 28 mil registros de candidaturas para as eleições de outubro. A campanha começou na terça-feira (16).

Foram recebidos 12 registros de candidaturas à Presidência e 12 a vice-presidente; 223 para governador e vice-governador, 231 para senador, 10.238 para deputado federal, 16.161 para deputado estadual e 591 para deputado distrital.

No Rio Grande do Sul, onze candidatos concorrem ao cargo.

Confira lista completa:

Argenta (PSC): Roberto Argenta, 69 anos, é empresário, foi vereador e prefeito de Igrejinha (RS), além de deputado federal eleito pelo estado do Rio Grande do Sul. Nascido em Gramado, é filho de pequenos agricultores, foi seminarista em Gravataí e formou-se em Ciências Contábeis pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Há 46 anos, iniciou a Calçados Beira Rio S.A. em Igrejinha, nas margens do Rio Paranhana, motivo que deu origem ao nome da empresa. A candidata a vice é a servidora pública municipal Nívea Rosa, de 46 anos.  

Carlos Messalla (PCB): Carlos Messalla Lima da Rosa, 46 anos, nasceu em Gravataí (RS) e mora em Porto Alegre. Servidor público federal, trabalha nos Correios. Ex-dirigente do Sindicato dos Trabalhadores dos Correios, é militante do PCB e da Unidade Classista. Foi candidato a vereador de Porto Alegre em 2020 pelo PCB. O candidato a vice na chapa é o servidor público aposentado Edson Canabravo, de 78 anos. 

Edegar Pretto (PT): João Edegar Pretto, 51 anos, formado em gestão pública, foi presidente da Assembleia do Rio Grande do Sul e três vezes deputado estadual. É natural de Miraguaí (RS). O vice na chapa é o vereador de Porto Alegre Pedro Ruas, de 66 anos, do Psol. 

Eduardo Leite (PSDB): bacharel em direito pela Universidade Federal de Pelotas, o tucano de 37 anos estudou também gestão pública na Universidade de Columbia, nos EUA, e fez mestrado em gestão e políticas públicas na Fundação Getúlio Vargas, em São Paulo. Foi presidente da Câmara dos Vereadores e prefeito de Pelotas (RS). Em 2018, foi eleito governador do Rio Grande do Sul com 33 anos de idade. O candidato a vice na chapa, Gabriel Souza, do MDB, de 38 anos, foi eleito deputado estadual em 2014 e 2018. 

Luís Carlos Heinze (PP):  é produtor rural e engenheiro agrônomo formado pela Universidade Federal de Santa Maria. Heinze, de 71 anos, já foi prefeito de São Borja (RS) e está no quinto mandato como deputado federal. Concorre pela coligação PRTB/PP/PTB. Também foi professor no Colégio Estadual de São Borja. A candidata a vice na chapa é a psicóloga Tanise Sabino, 42 anos, do PTB. 

Onyx Lorenzoni (PL): gaúcho de Porto Alegre, Onyx Lorenzoni, de 67 anos, é médico veterinário, foi duas vezes deputado estadual no Rio Grande do Sul e está no quinto mandato como deputado federal. Foi ministro da Casa Civil e do Trabalho e Previdência Social. Concorre a governador pela chapa Republicanos/ Patriota/ Pros/ PL. A vice na chapa é a professora Cláudia Jardim, 40 anos, do mesmo partido. 

Paulo Roberto (PCO): o estudante Paulo Roberto Silveira Pedra Júnior, 39 anos, concorre pela primeira vez a uma vaga eletiva. O candidato a vice-governador, segundo o Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul, é  Mário César Zettermann Berlese Filho, do mesmo partido.

Rejane de Oliveira (PSTU): tem 61 anos, é professora aposentada da rede estadual de ensino público do Rio Grande do Sul. Foi presidente do sindicato dos professores e membro da Executiva Estadual e Nacional da Central Sindical e Popular. Se candidata pela primeira vez a um cargo eletivo. A candidata a vice é a servidora pública aposentada Vera Rosane de Oliveira, 57 anos, do mesmo partido.  

Ricardo Jobim (Novo): natural de Santa Maria, é advogado, especialista em negociação e direito médico, com atuação em direito penal. É sócio do Jornal Diário de Santa Maria. É secretário-geral da Associação Rural de Santa Maria e foi presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), subseção de Santa Maria. O advogado Rafael Dresch, 46 anos, é o candidato a vice.

Vicente Bogo (PSB): nascido em Rio do Oeste (SC), tem 65 anos, é graduado em filosofia pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras Dom Bosco, e pós-graduado em educação. Licenciou-se, ainda, em Ciências e Matemática e fez mais duas pós-graduações: uma em filosofia política e outra em sociologia. Foi professor, deputado federal constituinte, presidente da Organização das Cooperativas do Estado do Rio Grande do Sul. A vice na chapa é a professora de ensino médio Josi Paz, de 43 anos. 

Vieira da Cunha (PDT): nascido em Cachoeira do Sul (RS), tem 62 anos e é formado em direito pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Promotor de Justiça do estado, foi eleito vereador de Porto Alegre, deputado estadual, presidente da Assembleia Legislativa e deputado federal por duas vezes. Foi presidente nacional do PDT e secretário de Educação do Rio Grande do Sul. Concorre pela chapa PDT/Avante. A vice é a professora Regina Costa dos Santos, 39 anos.   

Atualizado com dados do TSE até 16h56 do dia 17/08/2022